Bem Vindo Willkomen Bienvenu

Bem Vindo ao blog arte sacra funchal, com trabalhos de arte sacra de Marco Funchal em pinturas, azulejos e arquitetura. A arte sacra é uma forma de evangelização, evangelizar por meio da imagem que fala no silêncio. Agradeço pela visita. e-mail: funchalmarco@hotmail.com
(11) 5071 3808, Brasil. whattsapp (11) 962620768, (oi).

sábado, 26 de maio de 2018

Santa Sara Kali


Santa Sarah Kali, santa protetora do povo cigano, canonizada em 1712, logo também reconhecida pela Igreja Católica Romana e também reverenciada por outras instituições religiosas, o que revela o incrível simbolismo de Santa Sarah.
Sara estaria com outras Marias, as que acompanharam a crucificação, em uma embarcação na costa da França, o mar estava tenso, mas Sarah jogou seus mantos ao mar e conseguiu estabilizar a embarcação. Sarah amansa o mar e permite navegar.





quarta-feira, 23 de maio de 2018

Vitral Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Realização de vidros com temas em alta temperatura com tema da Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.
Trata-se de trabalho realizado na técnica do fusing.



terça-feira, 22 de maio de 2018

via sacra dourada 20x20

Para uma capela de Minas Gerais foi realizada a seguinte via sacra em azulejos de 20x20 com tons em dourado.






















domingo, 20 de maio de 2018

Vitrais Nossa Senhora da Esperança

A paróquia de Nossa Senhora da Esperança, localizada na Av dos Eucaliptos, 556, Moema, São Paulo, enfim, a igreja passou por uma série de reformas, desde a troca de algumas esquadrias, até ao incremento da arte.
Acima de tudo, a padroeira da paróquia é Nossa Senhora da Esperança, portanto, nada mais justo que os temas da arte da igreja sejam referentes à Nossa Senhora, o que auxilia a criar uma maior clareza entre os fatos bíblicos e o mistério em relação ao contexo bíblico e em relação á padroeira da paróquia. 
Na fachada há dois grandes vitrais, que foram pintados em chapas duplas de vidro, um que representa a anunciação do anjo a Nossa Senhora e outro que marca a visitação de Nossa Senhora à sua prima Isabel.
a forma do chão, em diagonais, busca um diálogo com os vitrais  pré existentes, o que permite a uma unidade estilística e um diálogo com o todo da igreja, neles predomina o azule p, porque é também a cor que predomina nos vitrais da nave da igreja.


abaixo detalhes do projeto que serviu de inspiração aos vitrais











Pantocrator no ambão Nossa Sra. da Esperança

Na paróquia de Nossa Senhora da Esperança, localizada na região de Moema, São Paulo Av. dos Eucaliptos, 556 . Além das reformas nas coberturas da fachada e a pintura dos vitrais, recebeu na frente do ambão a pintura do Cristo pantocrator sobre uma chapa de inox. 
O material se justifica pela grande presença de elementos em alumínio na igreja, que possui arquitetura moderna. Além desta cosntatação, houve a modificação das cores da cruz central e do sacrário em tom prateado inox, a fim de gerar uma melhor coerência arquitetônica no conjunto. O desenho do Cristo em linhas permite uma sobriedade na arte, de modo a não criar justaposições estilísticas, enfim se buscou a unidade arquitetônica e artística em todos os detalhes.



terça-feira, 15 de maio de 2018

cruz bizantina

Realização de cruz bizantina, trabalho iconográfico, ou melhor, agiográfico sobre madeira e levkas.







Realização de cruz bizantina a um monge beneditino, o que me deu muita alegria pela preferência do monge pelo modelo bizantino.
Esta cruz possui uma simbologia riquíssima, ao centro o Cristo morto, na lateral direita, Nossa Senhora e na lateral esquerda São João, acima o Mandylion, que seria o manto onde se estampou a face de Jesus, o que recorda, na tradiçaõ ocidental o manto de Verônica, mas na tradição bizantina se liga ao relato do rei Abgar, que teria aberto um lenço com a estampa do rosto de Jesus e com essa visão teria sido curado da lepra.
Os anjos, com o mandylion representam o aspecto místico da morte de Jesus, o aspecto celeste, como que abrindo um portal ao alto. Abaixo a Jerusalém, no braço em diagonal, que representa a balanda da justiça, na base de toda a composição as rochas que recordam o Golgota, onde está uma caveira, o que recorda simbolicamente o túmulo de Adão, Cristo o novo Adão que rompe os grilhões da morte.